Sunday, 08 de December de 2019

JUSTIÇA


Operação Catarse

Polícia Civil indicia duas assistentes parlamentares no Norte do Estado

09 Jul 2019
Dennis Tavares Polícia Civil indicia duas assistentes parlamentares no Norte do Estado

A Polícia Civil do Tocantins indiciou, no Norte do Estado, duas servidoras da Assembleia Legislativa pelos crimes de peculato e falsidade ideológica.  O indiciamento acontece em procedimento instaurado no curso da Operação Catarse.

Segundo o delegado Bruno Boaventura, uma das servidoras é lotada em gabinete de parlamentar desde 2015, em função administrativa em que há a necessidade de prestar serviços na Capital, porém ela reside em Araguaína. “Também nas investigações identificamos que a chefe de gabinete isentava a servidora nas folhas de ponto em Palmas”, afirmou.

Ainda de acordo com o delegado, a servidora teria afirmado que prestava serviços parlamentares em Araguaína. “Porém, durante o interrogatório, não soube especificar a função administrativa do cargo ao qual estava investida”, ressaltou. Os valores utilizados para pagamento de salários das servidora ultrapassam a casa dos 230 mil reais.

COMPARTILHE:


Confira também:


COP 25

Agenda do Estado na COP 25 busca investimentos para a estratégia Tocantins 20-40 e para o programa Pátria Amada Mirim

Reuniões com investidores europeus e participação ativa na Amazon-Madrid também estão no cronograma

Câmara

Damaso integra comissão especial que irá debater PEC da 2ª instância

A Constituição estabelece que ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória. Atualmente, o trânsito em julgado ocorre depois do julgamento de recursos aos tribunais superiores


CGE

Controladoria e parceiros realizam evento em alusão ao Dia Internacional Contra a Corrupção nesta segunda, 9

Programação contará com premiação de vencedora da rede estadual do Concurso de Desenho e Redação da CGU sobre o mesmo tema.


Carlesse

Carlesse participa da troca de comando no Corpo de Bombeiros e destaca importância de uma mulher assumir o 1º Batalhão

Tenente-coronel Andreya de Fátima Bueno é a primeira mulher a assumir o posto de comando de batalhão no Estado


Palmas

Arte leva esperança e tranquilidade aos pacientes do HGP


Infraestrutura

Governo realiza recuperação de pontos críticos da TO-239 entre Itacajá e Itapiratins


Região central

Polícia Civil conclui investigações sobre estupro de vulnerável em Miranorte


Solidariedade

Governo atende mais de 30 aldeias indígenas no Tocantins com o Criança Feliz


Capital por um dia

Governador anuncia implantação de Colégio Cívico-Militar em Miracema


"Salve Maria"

Modelo do aplicativo “Salve Maria” poderá ser implantando no TO



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira