Friday, 03 de April de 2020

JUSTIÇA


Ouvidoria

Projeto desenvolvido entre Seduc e TJ visa orientar alunos acerca de seus direitos

01 Jul 2015

A apresentação do Projeto "A Ouvidoria vai à Escola" ocorreu na manhã desta terça-feira, 30, no auditório do Tribunal de Justiça, em Palmas. Ele faz parte de uma parceria celebrada entre a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e o TJ. A ação tem como instrumento a interlocução e intermediação entre os alunos, professores, pais, cidadãos e as instituições públicas, por meio de palestras e oficinas esclarecendo os direitos que a população tem.

O Projeto foi apresentado durante a realização da palestra "Ouvidoria Judiciária: a construção de uma justiça democrática de proximidade", que foi ministrada pelo desembargador Paulo Sérgio Velten Pereira, ouvidor do Poder Judiciário maranhense. A ouvidora do TJTO, desembargadora Ângela Prudente, destacou a importância desse Projeto junto às escolas da rede pública estadual. "A Ouvidoria Judiciária vai à Escola visa disseminar a informação junto aos alunos dessas instituições, porque somos sabedores que precisamos formar cidadãos conscientes para a construção de seus próprios direitos", reiterou a desembargadora.

A subsecretária da Educação, Morgana Nunes Tavares Gomes, disse que esse trabalho deverá preparar a atual geração para que esta saiba e conheçam seus direitos desde os primeiros anos. "Temos a convicção que a partir da educação podemos mudar uma cidade, um Estado, um país. Todo investimento feito nessa área é algo que renderá frutos para toda vida, sabendo que o ser humano é  o maior patrimônio de um País, contudo a instituição que investe neste patrimônio aplica com responsabilidade seus recursos e contribui para o formação de um sólido Estado Democrático de Direito", destacou Morgana.

"A Ouvidoria vai à Escola é um projeto que vai onde está o verdadeiro brasileiro, que vai construir o Brasil de amanhã, pois todos passam pelo banco escolar durante a sua vida. Quando apresentamos um projeto dessa magnitude, nós estamos fazendo a transformação na sociedade", finalizou o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Ronaldo Eurípedes.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Auxílio emergencial é publicado e governo abre crédito de R$ 98 bi

Vetos à nova lei não alteram valores nem critérios do programa

Condenação

MPTO obtém condenação de ex-prefeito de Palmas Raul Filho e da esposa por esquema criminoso envolvendo empresa responsável por limpeza e coleta de lixo

Os dois políticos e mais 12 pessoas foram denunciados pelo Ministério Público do Tocantins (MPTO) por formação de quadrilha, corrupção passiva, fraude à licitação, dispensa de licitação fora das hipóteses previstas em lei, apropriação indébita e desvio de


Pandemia

Governo do Estado disponibiliza informações sobre contratos referentes à Covid-19 no Portal da Transparência

O objetivo é garantir a transparência e a publicidade quanto aos gastos referentes ao enfrentamento da Covid-19 no Estado


Atendimento remoto

Após ampliação, Delegacia Virtual bate recorde e registra 1028 ocorrências em março

O número foi muito superior ao registrado em fevereiro, que fechou com 626 Boletins de Ocorrência.


DOU

Mais de sessenta municípios tocantinenses têm incremento do PAB, informa ATM


Saúde

Ambulatório do Hospital Geral de Palmas é entregue após reforma


EDUCAÇÃO E PANDEMIA

Ano letivo poderá ter menos de 200 dias, diz Ministério da Educação


Pandemia

Portaria autoriza mototaxistas de Palmas a fazerem serviço de entregas durante período de isolamento social


Infraestrutura

Trecho da TO-010, entre Lajeado e Tocantínia, começa a receber melhorias


Alerta

Ayres defende que sem isolamento social municípios não podem decretar calamidade pública



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira