Sunday, 05 de April de 2020

JUSTIÇA


Ouvidoria

Projeto desenvolvido entre Seduc e TJ visa orientar alunos acerca de seus direitos

01 Jul 2015

A apresentação do Projeto "A Ouvidoria vai à Escola" ocorreu na manhã desta terça-feira, 30, no auditório do Tribunal de Justiça, em Palmas. Ele faz parte de uma parceria celebrada entre a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e o TJ. A ação tem como instrumento a interlocução e intermediação entre os alunos, professores, pais, cidadãos e as instituições públicas, por meio de palestras e oficinas esclarecendo os direitos que a população tem.

O Projeto foi apresentado durante a realização da palestra "Ouvidoria Judiciária: a construção de uma justiça democrática de proximidade", que foi ministrada pelo desembargador Paulo Sérgio Velten Pereira, ouvidor do Poder Judiciário maranhense. A ouvidora do TJTO, desembargadora Ângela Prudente, destacou a importância desse Projeto junto às escolas da rede pública estadual. "A Ouvidoria Judiciária vai à Escola visa disseminar a informação junto aos alunos dessas instituições, porque somos sabedores que precisamos formar cidadãos conscientes para a construção de seus próprios direitos", reiterou a desembargadora.

A subsecretária da Educação, Morgana Nunes Tavares Gomes, disse que esse trabalho deverá preparar a atual geração para que esta saiba e conheçam seus direitos desde os primeiros anos. "Temos a convicção que a partir da educação podemos mudar uma cidade, um Estado, um país. Todo investimento feito nessa área é algo que renderá frutos para toda vida, sabendo que o ser humano é  o maior patrimônio de um País, contudo a instituição que investe neste patrimônio aplica com responsabilidade seus recursos e contribui para o formação de um sólido Estado Democrático de Direito", destacou Morgana.

"A Ouvidoria vai à Escola é um projeto que vai onde está o verdadeiro brasileiro, que vai construir o Brasil de amanhã, pois todos passam pelo banco escolar durante a sua vida. Quando apresentamos um projeto dessa magnitude, nós estamos fazendo a transformação na sociedade", finalizou o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Ronaldo Eurípedes.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Brasil registra 11.130 casos de covid-19 e 486 mortes

Na região Norte, o Amazonas concentra o maior número de casos, com 417, além de 14 mortes.

Tocantins

Tocantins tem 17 casos confirmados de Covid-19

Palmas concentra o maior número de casos confirmados com 12 pacientes diagnosticados. A cidade de Araguaína tem quatro casos confirmados e Dianópolis uma confirmação do Covid-19.


Palmas

Projeto Sextou na Sacada: inovação e solidariedade em condomínio de Palmas

Bares e casas noturnas fechadas, festas, comemorações e encontros cancelados, shows proibidos, distâncias e recolhimento são inevitáveis. O caos vira ingrediente para traçar planos, reinventar um (re)começo


Norte do TO

Governo do Tocantins apresenta medidas de contenção ao novo coronavírus em Araguaína

Reunião abriu precedentes para outros momentos de debate e parcerias entre município e estado


Meio Ambiente

Naturatins participa de conservação de nascentes em aldeia Xerente


Pandemia

Sedem prorroga prazo de validade de alvarás de localização e funcionamento


Economia

Grande indústria química se instala em Gurupi atraída pelos incentivos fiscais do Governo


Covid-19

Mulher de 31 anos é o décimo caso confirmado de Covid-19 na Capital


Campo

Condições climáticas favorecem a produção de grãos no Tocantins na safra 2019/2020


Pandemia

Palmas tem mais um caso confirmado de coronavírus



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira