Saturday, 24 de August de 2019

JUSTIÇA


DPE

Vítima de situações vexatórias, assistida da DPE-TO consegue alteração do nome pessoal

01 Aug 2019    16:55    alterado em 01/08 às 16:55
Vítima de situações vexatórias, assistida da DPE-TO consegue alteração do nome pessoal

O nome Raimunda não é incomum no País. Porém, para alguns é motivo de piadas e chacotas. Essa era a vida de uma assistida da Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO) da 1º Defensoria Pública Cível de Miracema do Tocantins, a 90 km de Palmas. É que agora, uma dessas “Raimundas” espalhadas por aí conseguiu conquistar a mudança de nome, com assistência jurídica da instituição. A Ação proposta pela DPE-TO foi deferida pela Justiça na sexta-feira, 19.

A vendedora agora deve ser chamada por Sabrina. “Agora sim eu tenho um nome que me traz felicidade e não constrangimento”, expressa, emocionada, Sabrina. Ela conta que desde criança sofre chacotas e é excluída de grupos por ter sido batizada como Raimunda. “Eu não gostava que citavam meu nome em sala de aula. Eu odiava meu nome. Eu via meus colegas de aula com umas brincadeirinhas ridículas só comigo e eu detestava”, declarou.

Os pais são de família humilde, se conheceram em uma fazenda na zona rural e o nome da filha foi uma forma de homenagear a uma irmã da mãe, a pedido da avó. “Aí eu ficava questionando, por que logo eu? E era pra eu me chamar pior ainda, Raimundinha”, lembra. Ela complementa que até mesmo apelidos a deixava envergonhada, por isso não aceitava nem mesmo “Raimundinha” , ou “Rai”, “Chica”, “Chiquinha” ou “Mundica”, como escolhia a família para um “apelido carinhoso”. “Eu acho esse apelido horroroso. Quando eu conhecia amigos em jogos online eu sempre encontrava outro apelido e quando eu namorava me apresentava com outro nome”, acrescenta.

Defensoria Pública
A assistência jurídica de Sabrina foi feita pela defensora pública Franciana Di Fátima. Segundo ela, a mudança do nome de um cidadão brasileiro tem sua fundamentação no Principio Constitucional da Dignidade da Pessoa Humana, e a troca do nome encontra respaldo no Princípio da busca da felicidade. “O mais importante é o nome não expor o portador do nome a situações vexatórias, que lhe causem constrangimento”, explica. Segundo a defensora pública, o nome deve representar um fator de identificação do indivíduo e de seu reconhecimento social e não uma forma de constrangimento, independentemente de homenagens familiares.

A sentença foi proferida no dia 25 de maio, deferindo a retificação de registro civil com o reconhecimento judicial do direito a mudança do prenome Raimunda para Sabrina por “constrangimento público a sua honra subjetiva e reconhecimento público de bulling ao nome”.

Mudança
Fazer mudanças no nome de registro não é uma tarefa das mais simples. Segundo Franciana Di Fátima, para começar, é preciso entrar com uma ação na Justiça e provar que o nome ou o sobrenome causam algum tipo de constrangimento ou situação vexatória. Os motivos podem variar de homônimos, erros de digitação do escrivão, constrangimentos ou até mesmo nomes excêntricos.

Outro ponto é recorrer à justiça para fazer uma ação de retificação de registro civil ou uma ação para modificação de prenome. “Em qualquer hipótese, é preciso provar que a mudança no nome não será usada para evitar compromissos jurídicos, financeiros, entre outros. Essa certeza pode ser provada por meio de certidões negativas da Justiça Federal, Justiça estadual, juizados especiais, cartório e distribuidor de protestos”, explicou a defensora pública.

COMPARTILHE:


Confira também:


Fogo na Amazônia

Presidente autoriza uso das Forças Armadas contra incêndios na Amazônia

O governo não informou o número de militares que poderão ser empregados nas ações de combate aos incêndios.

Criação de Tilápias

Governador participa de lançamento do projeto de criação de tilápias em tanques rede

No local, serão instalados 25 tanques rede (tamanho 4x4x4) com material de alumínio e telhas de aço inox. Serão colocados entre 2.500 e 3.000 alevinos (designação dada aos peixes recém-saídos do ovo e que já reabsorveram o saco vitelino) em cada tanque.



PPA

Governador Mauro Carlesse abre sétima consulta pública do PPA

Durante a abertura do evento o governador Mauro Carlesse anunciou que pretende implantar no Estado o projeto Pioneiros Pátria Amada, com foco no meio ambiente.


Saúde

Hospital Geral de Palmas opera com menor índice de ocupação da história

O novo fluxo e o planejamento estratégico na realização das cirurgias ortopédicas são resultado do comprometimento da atual gestão da Secretaria de Estado da Saúde (SES), que está regularizando e aumentando os estoques de medicamentos, materiais e insumos


Gurupi

Em Gurupi, governador Mauro Carlesse prestigia inauguração de Centro Cultural e exposição sobre ex-governador Siqueira Campos

Além do ex-governador Siqueira Campos, o evento contou com a presença de políticos e autoridades de Gurupi e região.


Campo

Secretaria da Agricultura e parceiros realizam o 3° Tecnifruti no Projeto Manuel Alves


Projeto Orelhinha

Tocantins recebe, pela segunda vez, projeto que resgata autoestima de jovens


Operação Forâneo

Polícia Civil realiza “Operação Forâneo” em Lagoa da Confusão e desarticula associação criminosa por tráfico interestadual de drogas


Audiência

Delegados de Polícia Civil do Tocantins tem audiência Pública com o Ministro Sérgio Moro


Saúde

Cirurgia bariátrica: mudanças do físico ao emocional


Operação Medusa

Polícia Civil prende 15º suspeito da Operação Medusa



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira