Thursday, 12 de December de 2019

OPINIÃO


Compras de Páscoa

Procon destaca cuidados que consumidores precisam ter para compras de Páscoa

15 Apr 2019

Com a aproximação da Páscoa, celebrada no próximo dia 21 de abril, os estabelecimentos comerciais ficam cheios de produtos relativos ao feriado festivo, e opções não faltam como ovos de chocolate e pescados. Para que o consumidor não seja lesado por valores muito altos ou produtos de qualidade inferior ao anunciado, a Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon-TO) destaca algumas orientações.

É preciso estar atento a qualidade, data de validade e preço do produto são itens indispensáveis na hora das compras. E ter cuidado com as variadas promoções oferecidas para de atrair o cliente. O superintendente do Procon-TO, Walter Viana, ressalta que o consumidor precisa ficar atento e não levar para casa um produto que não atenda os padrões de qualidade.

“O objetivo da pesquisa é permitir que o consumidor possa decidir de casa qual o local que oferece um preço mais acessível. Por isso o Procon realizou pesquisa de preços de ovos de Páscoa em seis estabelecimentos de Palmas. Ao todo, cinco marcas de chocolates foram consultadas e 43 itens pesquisados”, lembrou Viana.

O que comprar

Definir o que comprar antes de sair de casa e fazer uma pesquisa comparativa de preços, são os primeiros, para buscar sempre os valores mais vantajosos. Estar atento as informações das propagandas veiculadas nos anúncios também deve ser observadas. Pois o lojista é obrigado a cumprir as ofertas anunciadas.

Pescados

É tradição que durante a Quaresma e principalmente na Semana Santa, o consumo de peixe seja maior. O consumidor deve estar atento a organização e temperatura do local de armazenamento, seja o pescado fresco, congelado ou salgado e seco.

E cuidado maior no caso do peixe fresco. Desconfie do cheiro forte, abdômen flácido, olhos murchos e sem brilho e guelras pálidas, estes são sinais de que o produto não deve ser consumido.  A pesagem deve ser feita na presença do consumidor, assim como o embalamento do mesmo.

Chocolate

Na hora da compra dos chocolates, o consumidor também deve observar o local onde o produto é armazenado e verificar a limpeza do ambiente. O chocolate deve longe de itens ou artigos de limpeza e de fontes de calor. Na A embalagem do chocolate deve conter, informações como prazo de validade, peso e quantidade, composição.  O consumidor não deve comprar produtos com rótulos danificados ou pouco legíveis.

Nos ovos que contêm brinquedos, verifique na embalagem se está estampada a frase Atenção: contém brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro da Avaliação da Conformidade. Também é obrigatória a indicação de faixa etária ou, se for o caso, frase que informe que não existe restrição de faixa etária.

É importante lembrar ainda que o brinquedo deve ter o selo do Inmetro em sua embalagem, a identificação do fabricante (nome, CNPJ, endereço), o importador (caso o brinquedo seja importado), as instruções de uso e de montagem, e eventuais riscos que possam apresentar à criança.

Produtos artesanais

Os artigos artesanais devem seguir as mesmas regras de comercialização dos industrializados. E no caso dos produtos importados são obrigados ainda a apresentar informações em língua portuguesa, como identificação do fabricante e importador, país de origem, prazo de validade, composição, volume/quantidade, registro no órgão competente e outras informações obrigatórias.

COMPARTILHE:


Confira também:


Refis 2019

Prazo para negociar dívidas no Refis 2019 termina no próximo dia 20 de dezembro

As negociações estão acontecendo nas três unidades do Resolve Palmas – Avenida JK, Capim Dourado Shopping e Taquaralto

Araguaína

MPF ajuíza Ação Civil Pública contra Claro e Anatel por má prestação de serviços em Araguaína e região

A Ação Civil Pública tem como objetivo reconhecer o vício de qualidade na prestação de serviço de telefonia móvel da Claro em Araguaína e região.



13º salário

Assembleia antecipa 13º salário dos servidores para esta sexta-feira

A folha do 13º soma R$ 6,5 milhões que, somados aos salários de novembro, pagos no último dia 2, no valor de mais de R$ 13 milhões, totalizam quase R$ 20 milhões injetados na economia tocantinense, neste mês de dezembro.


TJTO

Desembargador Ronaldo Eurípedes nega pedido de liberdade provisória a Iury Italu Mendanha

E arrematou sua decisão ponderando que, “em detida análise da ação penal originária, não se verifica desídia ou omissão, seja da autoridade judiciária ou do Ministério Público, que estão exercendo seus respectivos encargos de forma devida e em conformidade


Seciju

Governo do Tocantins realiza dia D de atendimentos em alusão ao Dia Internacional dos Direitos Humanos

Ação foi realizada através de parceria entre diferentes secretarias de estado e contou com emissão de documentos, realização de palestras e outras atividades.


Sustentabilidade

Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Lontra e Corda elege novos membros e mesa diretora


Boas novas

Governo apresenta resultados de projetos do Turismo de Base Comunitária no Jalapão, em Brasília


Europa

Comitiva do Tocantins é recebida na Embaixada Brasileira em Madrid


Melhorias

Rodovia que liga Taquaruçú a Buritirana recebe manutenção corretiva e preventiva


Intercâmbio Cultural

Vice-governador e Presidente da Ilha Príncipe manifestam Interesse em Programa de Intercâmbio Cultural


Palmas

Relatório final da LDO é aprovado em sessão extraordinária



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira