Monday, 19 de February de 2018

Monday, 19 de February de 2018

POLÍTICA


CPMI da JBS

Ataídes na CPMI da JBS: “Não vou passar a mão na cabeça de ninguém”

21 Sep 2017

"Independência é palavra-chave na CPMI da JBS. Já disse e repito: como presidente da comissão, não vou passar a mão na cabeça de ninguém", declarou o senador Ataídes Oliveira (PSDB) durante a primeira reunião de trabalho da CPMI, nesta quarta-feira (20).

O senador tocantinense rejeitou o rótulo de "chapa branca" atribuído ao colegiado e garantiu que não vai permitir que a CPMI seja usada como "palco político para defender ou para atacar A ou B". "Não sou funcionário do Planalto, nem do PSDB. Também não tenho um pingo de vaidade pelo poder. Jamais estaria a serviço do Planalto nesta CPMI", completou Ataídes, rebatendo críticas de que a comissão seria usada em defesa do presidente Temer, em retaliação ao ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot.
 
Linhas de trabalho

Ataídes lembrou que a CPMI da JBS tem linhas de trabalho bem definidas: a investigação dos contratos com o BNDES; a investigação da movimentação do grupo no mercado de ações e no mercado cambial às vésperas do vazamento da gravação com o presidente Temer; o acordo de delação "superpremiada" com os executivos da JBS; as dívidas fiscais e previdenciárias do grupo e a questão do monopólio da empresa no mercado de carnes.

Na reunião desta quarta-feira, foi aprovado o plano de trabalho apresentado pelo relator da CPMI, deputado Carlos Marun. Para viabilizar resultados concretos no prazo da comissão, que é de 120 dias, foram sugeridos, entre outros, o recurso a especialistas externos e o uso de programas de computador para cruzamento de dados.

Nesta quinta-feira (21) serão votados mais de 140 requerimentos de pedidos de informação, convocações e convites para depoimentos, quebras de sigilo bancário e telemático, entre outros.  Na lista, estão itens que vão do levantamento detalhado de todas as participações do BNDES-Par na JBS à cópia integral de inquéritos da PF em operações que envolvam a empresa. Os irmãos Joesley e Wesley Batista, donos do Grupo J&F, estão entre os primeiros a serem chamados para depor. 

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

2

PARABÉNS!
PARABÉNS!

1

BOM
BOM

1

AMEI!
AMEI!

1

KKKK
KKKK

0

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

3

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

1

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Palmas

Prefeitura não cobrará mais taxa de revisão de IPTU

Zini reafirmou que a Prefeitura está à disposição dos contribuintes que observarem eventuais divergências de valores do imposto.

Amastha

Em vídeo, Amastha detalha descontos do IPTU, reforça diálogo e faz apelo a servidores

Prefeito da Capital reforça que gestão está aberta para atender a contribuintes que observarem eventuais distorções no valor venal do imóvel, base de cálculo do imposto


Ciência & Tecnologia

Aspectos centrais sobre TI na Gestão Institucional - Parte 7

Por Daniel Nascimento-e-Silva*


Palmas

Amastha prestigia abertura de empreendimento que investiu meio milhão de reais em Palmas

O empresário Daniel Oliveira, um dos sócios do Wings, afirmou que o planejamento para a instalação do estabelecimento começou há um ano e meio e há oito meses começou a implantação


Tocantins

Projetos sociais desenvolvidos nas unidades prisionais do Tocantins transformam vidas de detentos


Palmas

Prefeita em exercício entrega chave da cidade para presidente do Comadec


Ataídes

Em reunião com trabalhadores rurais, Ataídes concluiu programação no Bico do Papagaio, nessa quinta


Brasil

Deputados do Tocantins são homenageados por vereadores de todo Brasil


Câmara

Líderes de Câmaras Municipais de todo o país são recebidos na Câmara de Palmas


Irrigação

O que é irrigação inteligente?



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira