Tuesday, 19 de February de 2019

POLÍTICA


Democracia

Jungmann critica os que põem em dúvida o sistema eleitoral brasileiro

07 Oct 2018    19:56    alterado em 07/10 às 19:56
Marcos Corrêa/PR Jungmann critica os que põem em dúvida o sistema eleitoral brasileiro

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, criticou os que põem em dúvida a legitimidade do sistema eleitoral, questionando o uso de urnas eletrônicas. Sem citar nomes, Jungmann equiparou políticos e eleitores que “tentam passar a noção de fraude” aos que efetivamente agem para fraudar as eleições.

“O político que tenta fraudar ou passar a noção de fraude [no sistema] está, em última instância, vulnerando o próprio fazer da política, procurando diminuir a democracia. Portanto, é alguém que, sem a menor sombra de dúvida, tem uma vocação antidemocrática”, disse o ministro logo após passar quase toda a tarde no Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), em Brasília, onde recebeu o presidente da República, Michel Temer; a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber; o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli; a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e a advogada-geral da União, Grace Mendonça.

“Aquele que levanta dúvidas, que se propõe a fraudar ou a qualquer outro tipo de atividade como esta, está indo na contramão do desejo de brasileiros e brasileiras, que é de respeitar a todos. A democracia é plural, é contraditória, é o direito de cada um exercer a sua vontade e de tê-la respeitada”, acrescentou o ministro, enfatizando que é justamente o respeito à vontade e às escolhas de cada um o que configura a democracia como o melhor de todos os sistemas políticos.

Jungmann voltou a destacar que, em todo o país, eleitores puderam ir às urnas com tranquilidade. Segundo o último balanço divulgado pelo Ministério da Segurança Pública, entre o último dia 4 e as 17h de hoje, foram registradas 1.848 ocorrências e 500 prisões. A maioria por boca de urna; compra de votos; propaganda e transporte irregular de eleitores. No Centro Integrado, as ações de segurança de vários órgãos públicos federais e estaduais são monitoradas em tempo real, agilizando a tomada de decisões.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, garantiu que “as urnas eletrônicas estão funcionando muito bem” e que pequenos defeitos nas urnas foram prontamente corrigidos e um número muito pequeno de urnas teve que ser substituído e não afeta a vontade do eleitor.

O presidente do STF, Dias Toffoli, classificou o processo eleitoral brasileiro como “um dos mais modernos do mundo”. “Temos algo muito importante a celebrar. O Brasil é a quarta maior democracia do mundo. Só a Índia, os Estados Unidos e a Indonésia têm mais eleitores. E o número de ocorrências é insignificante, não chega a ser um pingo de água no oceano”, disse o ministro, assegurando que as instituições democráticas nacionais estão “sólidas, funcionando e o povo decide seus representantes”.

Após destacar a tranquilidade nas ruas, a presidenta do TSE, ministra Rosa Weber, criticou a veiculação, pelas redes sociais, das chamadas fake news. “A [veiculação de] notícias falsas se dirige [em última análise] contra a credibilidade da Justiça Eleitoral. Consequentemente, contra a democracia e as instituições. É preciso identificar quem as está propagando com a maior celeridade possível”, comentou a ministra, reconhecendo a dificuldade de lidar com o assunto. “Não sei como poderíamos ter atuado [preventivamente] nesta área onde há o princípio maior da liberdade de expressão. Este é um fenômeno internacional e novo”.

Sobre as fake news, o ministro Raul Jungmann fez um alerta. “Quero avisar que estamos chegando aos responsáveis [pela disseminação de mentiras]. Eles vão ser denunciados ao Ministério Público e enquadrados em falsidade ideológica, ou por crime contra a honra. É inaceitável que se tente fazer crer que o sistema eletrônico é passível de fraude. Isto nunca aconteceu em 20 anos e não é agora que vai acontecer”, concluiu o ministro. - Agencia Brasil.

COMPARTILHE:


Confira também:


Comunicação

Governo, Unitins e TV Cultura firmam parceria para transmissão da emissora no Tocantins

O reitor Augusto Rezende destacou que, “com os meios de comunicação [rádio e TV educativas], esperamos alavancar algumas ações de ensino, pesquisa e extensão da universidade”.

Atuação

Prof. Júnior Geo solicita medidas para a população em virtude da interdição da ponte de Porto Nacional

Durante a conversa, o parlamentar destacou que esteve em audiência pública na última sexta-feira, 15, realizada pela Ordem dos Advogados do Brasil


Palmas

Joseph Madeira toma posse na Acipa e assume compromisso com o fortalecimento da entidade

Ainda na solenidade, o presidente da Acipa, Joseph Madeira, recebeu das mãos do representante do deputado estadual Eduardo Siqueira Campos a propositura do título de cidadão tocantinense.


AL

Deputado Jair Farias destaca projetos de industrialização e geração de empregos como prioridades para desenvolver o Estado

Jair Farias também aposta no ecoturismo para desenvolver o Bico do Papagaio. "Um dos pontos turísticos mais bonitos do Tocantins está no Bico do Papagaio, que é o encontro das águas dos rios Araguaia/Tocantins", afirmou.


Campo

Paulo Carneiro recebe em seu gabinete o presidente da APROSOJA Tocantins


Região Central

Presidente da Adetuc e prefeito de Porto Nacional discutem projetos para a temporada de praia 2019


Região Central

Município de Guaraí recebe entretenimento com foco na preservação do meio ambiente


Contratos Temporários

Prefeitura de Palmas abre edital para contratação de 34 servidores temporários


Ponte de Porto

Defensoria e OAB vão integrar comissão que trata sobre interdição da ponte de Porto Nacional


Ocorrência

Polícia Civil apreende 30 kg de maconha e prende traficante no Sul do Estado



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira