Monday, 17 de June de 2019

POLÍTICA


Panorama

MP Eleitoral propõe representação contra César Halum, Lázaro Botelho, o prefeito de Araguaína e a superintendente regional da Caixa Econômica

16 Sep 2018    14:44
MP Eleitoral propõe representação contra César Halum, Lázaro Botelho, o prefeito de Araguaína e a superintendente regional da Caixa Econômica

O Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral) propôs representação eleitoral contra Ronaldo Dimas Nogueira Pereira, Sílvia Leandra Pelloso, Cesar Hanna Halum e Lázaro Botelho Martins, por prática de conduta vedada pela legislação eleitoral.
      
Em agosto de 2018, o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas Nogueira Pereira celebrou contrato de repasse com a União, tendo como interveniente a Caixa Econômica Federal, por meio de sua superintendente regional no Estado do Tocantins, Sílvia Leandra Pelloso, para o recebimento de R$ 44.010.218,11 (quarenta e quatro milhões, dez mil e duzentos e dezoito reais e onze centavos), destinados à pavimentação e ao recapeamento asfáltico de vários bairros de Araguaína.
      
Essa espécie de transferência de recursos da União para Estados e Municípios é proibida nos três meses que antecedem as eleições, segundo a Lei nº 9.504/97 (art. 73, VI, “a”).
      
César Hanna Halum e Lázaro Botelho Martins, candidatos a Senador e a Deputado Federal nas eleições de outubro, respectivamente, se beneficiaram politicamente dessa conduta vedada pela lei eleitoral.
      
Para o MP Eleitoral, Halum utilizou-se da celebração do contrato para angariar o apoio público do prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas e de nove vereadores daquele município, que teriam se comprometido a trabalhar em prol de sua candidatura.
      
Além disso, César Halum e Lázaro Botelho compareceram à solenidade de assinatura do contrato de repasse e assinaram o documento (na condição de meras testemunhas), deixando-se fotografar ao lado dos demais representados, com a finalidade de colher dividendos eleitorais do episódio e atrelar suas candidaturas à liberação do valor.
      
O MP Eleitoral sustenta que a utilização política da celebração do contrato de repasse durante o período eleitoral proporciona vantagem para os referidos candidatos e tende a afetar a igualdade de oportunidades entre os demais, seja porque sugere a influência deles perante os órgãos centrais que gerenciam o orçamento da União, seja pela utilização desses recursos para a conquista de adesões mercenárias às respectivas campanhas.
      
Em seus pedidos, o MP Eleitoral requer a aplicação de multa aos envolvidos e que a Superintendência Estadual da Caixa Econômica Federal no Tocantins se abstenha de efetivar o repasse da verba, até o julgamento final da ação, em que espera a declaração da nulidade do contrato de repasse.
      
Número da Representação: 0601052-93.2018.6.27.0000.

COMPARTILHE:


Confira também:


Drogas

Maconha é a droga mais apreendida no Tocantins, revela estatística

O ranking aponta ainda um crescimento das ocorrências registradas no órgão em relação às apreensões de crack. Enquanto em 2017 foram 319 registros, em 2018, este número subiu para 432.

Temporada

8 dicas do Corpo de Bombeiros para curtir a temporada de praias com segurança

Orientações servem para reduzir os riscos de acidentes durante a alta temporada


Campo

Recebimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos chega a mais quatro municípios do Tocantins

As centrais de recebimento em parceria com a Adapec estão com um cronograma de ação que, além desses quatro municípios, abrangerão mais 10 em diferentes regiões do Estado.


Tocantins

Pais fazem campanha de doação de sangue para ajudar outras famílias após morte do filho

Além da campanha de doação de sangue, os pais vão arrecadar alimentos e roupas durante 66 dias, tempo em que Felipe ficou vivo após nascer prematuro.


Six Sigma

Manifesto Híbrido de Metodologias de Gestão é definido no Brasil


Violência

Homem é preso pela Polícia Civil após tentar matar o ex-cunhado em Taguatinga


Brasil

Grupo Boticário e Unilever se unem por diversidade e equidade de gênero


Turismo

Palmas conta com uma variedade de Palmas urbanas


Economia

Receita paga hoje as restituições do 1º lote do Imposto de Renda


416 Vagas

Unitins lança edital de transferência externa com 416 vagas



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira