Monday, 21 de May de 2018

Monday, 21 de May de 2018

POLÍTICA


Brasil

Paulo Mourão destaca grave momento do País e defende investigação de Temer

03 Aug 2017

"Que nós possamos, com as bênçãos de Deus, termos o compromisso ético de responsabilidade, de sensatez e de justiça de trabalharmos para um Brasil melhor e um Tocantins mais justo e fraterno", disse o deputado estadual Paulo Mourão (PT) no retorno dos trabalhos legislativos desta terça-feira, 1º. Na Tribuna, o parlamentar lembrou os problemas enfrentados na gestão do Brasil e apontou que é preciso trazer à pauta da gestão pública a sensatez, para que assim seja possível vencer a crise econômica e política que assola todo o País.
 
O deputado lembrou o momento de "extrema gravidade" que o Brasil vive atualmente, em específico a votação, na Câmara dos Deputados, da autorização de abertura do processo de investigação do presidente Michel Temer (PMDB). "Temos um país de dimensões continentais, de um povo determinado ao trabalho, ordeiro, e o que nós vemos é um desequilíbrio. As forças e lideranças do país não estão conseguindo se entender e o país sangrando dificuldades, desemprego e sem poder retomar o desenvolvimento", alertou Mourão.
 
Ele lembrou que a maciça maioria da sociedade tocantinense deseja que o Brasil seja passado a limpo, apesar de alguns setores defenderem a manutenção do atual governo no sentido de evitar uma paralisação do País. "Será que o Brasil já não se encontra paralisado? Hoje temos mais de 13 milhões de brasileiros desempregados. Se compararmos com o ano passado já temos 1,9 milhão de brasileiros que perderam os empregos. O que se retoma é a informalidade dos que perderam sua fonte formal de renda", argumentou.
 
Para Mourão é preciso ir além e destacou a frustração das receitas e os meios que o governo Federal tem lançado mão para suprir o déficit orçamentário. "A única forma que o governo tem ainda é aumentar os impostos através de decreto. Estes impostos incidem no consumo da família dos trabalhadores e trabalhadoras, como o aumento do PIS e Confins nos combustíveis, o que acarretará em um ataque brutal ao bolso dos brasileiros e brasileiras", disse o deputado.
 
O deputado ressaltou que além da frustração das receitas e o desemprego, há ainda outro agravante: o desequilíbrio da previdência. Paulo Mourão alertou que hoje são sete trabalhadores na ativa para cobrir um aposentado e a previsão, segundo o deputado, é que em 2030 o número deve chegar a três na ativa para cobrir os gastos de um aposentado.
 
Segundo o parlamentar a necessidade de investigação do presidente e de quem quer que seja suspeito de algum ilícito, faz parte do Brasil que todos os brasileiros querem conquistar. "Queremos o Brasil da eficiência no serviço público, da democracia plena e irrestrita, do Estado de Direito Democrático, o que o presidente Temer precisa fazer é justamente ser investigado pelo Supremo Tribunal Federal e ter a condição de se defender, porque se nós mantivermos essa imoralidade do foro privilegiado para as autoridades brasileiras, nós não vamos conseguir passar o Brasil a limpo. Não podemos perder mais tempo", acertou Paulo Mourão.
 
Tocantins
 
Fazendo um recorte para o cenário do Tocantins e lembrando o decreto do governo do Estado, contingenciando mais de R$ 190 milhões em julho, ou seja, parte da programação orçamentária não será executada, o deputado Paulo Mourão alertou para a falta de eficiência econômica e produtiva do Tocantins. "Venho alertando nos dois anos que estou nesta Tribuna: se o governo não se mexer, não se organizar em um processo de equilíbrio econômico e orçamentário, nós não sairemos do buraco, pelo contrário, a cada momento vamos enfrentar mais dificuldades."
 
O deputado lembrou entrevista do secretário da Administração, Gefferson Barros, a um importante veículo de comunicação do Estado nas últimas semanas, em que ele alerta que se o governo não se ajustar, não paga os salários dos servidores até o final do ano. Para Mourão o que "falta é uma política de controle de gastos, uma política que incentive a produção e garanta a modernização" para combater as diversas situações que colocam o Tocantins em risco. "Uma delas é o Igeprev [Instituto de Gestão Previdenciária do Tocantins] que soma uma dívida consolidada de R$ 28 bilhões e o governo não toma providências em dizer o que vai adotar para reverter."

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

5

PARABÉNS!
PARABÉNS!

5

BOM
BOM

1

AMEI!
AMEI!

2

KKKK
KKKK

2

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

5

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

4

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Eleições 2018

Kátia Abreu: “vou fechar a torneira da corrupção para devolver o dinheiro do povo”

Candidata recebe apoio em Pedro Afonso e Itacajá ao apresentar propostas para desenvolvimento e combate à pobreza

Eleições 2018

“Salvadores da pátria levaram TO à bancarrota”, diz Carlesse

“Os que de fato lutam para melhorar o Estado estão aqui, nesse palanque, porque acreditam em um projeto de estabilidade. Que lutam por um Tocantins melhor para todos”, disse, sobre seus aliados.



Tocantins

MPE denuncia acusado de extorquir dinheiro de mulher com fotos íntimas

Apurou-se que as ameaças se intensificaram e a vítima, coagida e intimidada, aceitou entregar a quantia de R$ 300,00


Eleições 2018

Na Fieto, Vicentinho indicou a possibilidade de reduzir a carga tributária do Tocantins

Vicentinho Alves demonstrou preocupação com as contas públicas e destacou a necessidade do governo do Estado “não gastar mais do que arrecada”.


Educação

População de Guaraí ganha a 8ª unidade do Colégio da Polícia Militar

A solenidade realizada na tarde desta quinta-feira, 17, contou com a presença da secretária da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar e do comandante da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras Barbosa


Rally Baja Jalapão

4º Rally Baja Jalapão 500: roteiro passará por três cidades


Márlon Reis

“Precisamos que o Governo diminua para que a Tocantins cresça”, diz Márlon Reis durante encontro na Fieto


Tocantins

Justiça do Tocantins descumpre decisão do STJ sobre prisão domiciliar


Campanha

Hospital Municipal de Araguaína conscientiza pais sobre abuso e exploração sexual infantil


Festival

Festival atrai pesquisadores do circo brasileiro


Mário Lúcio

“Entendo que só a política séria pode melhorar a vida das pessoas”, diz Mário Lúcio na TV em Araguaína



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira