Tuesday, 18 de June de 2019

POLÍTICA


Eleições 2018

TRE-TO indefere 10 registros de candidatura

15 Sep 2018    14:33    alterado em 15/09 às 14:33
TRE-TO indefere 10 registros de candidatura

Na tarde desta sexta-feira (14/9), o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) julgou 12 processos relacionados ao Registro de Candidatura, sendo 11 para o cargo de deputado estadual e um para o cargo de deputado federal para as Eleições 2018.

Sete solicitações de registro de candidatura para deputado estadual foram indeferidas, todas da Coligação Tocantins Democrático e Popular (PT, PC do B), sob a relatoria do juiz federal Adelmar Aires Pimenta, por não comprovação de filiação partidária no prazo legal. Os indeferimentos referem-se aos registros de Antônio Marcos Sena Karajá, Clea Eloisa do Rego, Saray Alves Batista, Valmir Rodrigues da Silva, Marinaldo Passos Barros, Fabiano Kenji Nohama, Geuvar Silva de Oliveira, todos pela coligação Tocantins Democrático e Popular (PT, PC do B).

O pleno do TRE-TO também indeferiu o registro de candidatura a deputado estadual de José Viana Povoa Camelo, pela Coligação Renova Tocantins (PSB, PSDB, PR, Pode, MDB), sob a relatoria da desembargadora Ângela Prudente. Outros dois registros indeferidos foram os da candidata a deputada federal, Ana Paula de Sousa, pela Coligação Frente Alternativa (PT, PC do B, PV, PSD e Rede), sob a relatoria do juiz federal Adelmar Aires Pimenta da Silva e da candidata a deputada estadual Jocyene Pinto dos Santos, pelo Partido Renovador Trabalhista (PRTB), sob a relatoria do juiz membro Henrique Pereira dos Santos.

Durante a sessão , ainda foram analisados e deferidos os registros de candidatura a deputado estadual de Alex Pereira Dias Botelho, pela Coligação Frente Alternativa (Rede, PDT, PSD, PV e PTB), tendo como relator do processo, o juiz membro Rubem Ribeiro de Carvalho, bem como do candidato a deputado estadual Vilmar Sousa de Oliveira, pela Coligação Tocantins Democrático e Popular (PT/PC do B), sob a relatoria do juiz federal Adelmar Aires Pimenta.

COMPARTILHE:


Confira também:


Drogas

Maconha é a droga mais apreendida no Tocantins, revela estatística

O ranking aponta ainda um crescimento das ocorrências registradas no órgão em relação às apreensões de crack. Enquanto em 2017 foram 319 registros, em 2018, este número subiu para 432.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira