Saturday, 21 de April de 2018

Saturday, 21 de April de 2018

SAÚDE


Diabetes

Diabetes: Pós-diagnóstico, mãe e filho se adaptam à nova realidade

13 Nov 2017

Nesta terça, 14 de novembro, é o Dia Mundial da Diabetes. Doença que de acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) afeta mais de 13 milhões de pessoas no Brasil; 4.623 delas estão em Palmas, segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semus). Para esclarecer dúvidas sobre a doença e trazer relatos de quem viu sua vida mudar após o diagnóstico, o Núcleo de Comunicação da Semus produziu três reportagens. Na primeira, vamos conhecer a história da dona de casa Elisângela Gessie Barbosa e seu filho Ryck Manoel, diagnostica do com diabetes tipo 1 há dois anos.
 
Em uma casa simples no setor Santa Bárbara, região Sul de Palmas, mora a dona de casa Elisângela Gessie Barbosa com seus quatro filhos, um deles Ryck Manoel que tem oito anos e há dois foi diagnosticado com diabetes tipo 1. A fala simples e o jeito humilde não conseguem esconder a mãe guerreira que ela é; que fez de tudo para descobrir qual doença o filho tinha e depois lutou para obter o tratamento adequado.
 
"Poucos dias antes de completar seis anos, ele começou a fazer xixi na cama, algo que ele nunca tinha feito. Eu claro, brigava com ele. Aí percebi que durante o dia, ele fazia xixi direto, às vezes na roupa. Ele comia muito, mas não engordava, pelo contrário, estava muito magro. Eu ficava encabulada e me perguntava para onde que ia aquela comida toda. Achei até que fosse calazar porque achava que a barriga estava inchada", conta Elisângela que levou o filho ao Centro de Saúde da Comunidade Santa Bárbara, onde obteve o encaminhamento paro o Hospital Infantil Público de Palmas.
 
No Hospital, ela chegou carregando o filho nos braços e relatou todos os sintomas. "Antes mesmo de fazer a ficha, a técnica de enfermagem fez o dextro (exame de sangue, realizado com aparelho digital para verificar a glicemia) e deu 700. Aí ela falou: seu filho tem diabetes e de imediato ele foi internado. Uma endócrino foi chamada e a partir daí minha vida mudou completamente", afirma Elisângela, lembrando que Ryck ficou internado 18 dias até estabilizar o quadro de saúde e após o diagnóstico sofreu outras quatro internações. O organismo de Ryck não se adaptou às insulinas ofertadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), por isso, com o apoio da Defensoria Pública do Tocantins ela conseguiu gratuitamente que o SUS fornecesse a insulina adequada para o filho, que embora tímido, assegura estar adaptado à doença. "Eu já me acostumei e a minha mãe me ajuda."
 
"Eu não tinha conhecimento nenhum sobre a doença, não conhecia ninguém com diabetes. Não foi fácil e ainda não é. Mas eu vou levando porque se Deus permitiu é porque ele confiou a mim essa missão e ele sabe de tudo", fala com fé e esperança de dias melhores. 

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

9

PARABÉNS!
PARABÉNS!

7

BOM
BOM

11

AMEI!
AMEI!

9

KKKK
KKKK

8

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

4

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

6

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Vacinação

20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começa na próxima segunda-feira, 23

Segundo a diretora de Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmissíveis e não Transmissíveis a meta é vacinar pelo menos, 90% dos grupos prioritários

Secretariado

Mauro Carlesse reúne equipe de governo e empossa novos auxiliares

Carlesse reuniu a sua equipe de governo na tarde desta quinta-feira, 19, para discutir a continuidade das ações que já vinham sendo realizadas pela sua gestão



Polícia Civil

Polícia Civil prende suspeito de estuprar e engravidar criança de 11 anos no Extremo Norte do Estado

Policiais Civis da Delegacia de Sítio Novo do Tocantins efetuaram, na manhã desta quinta-feira, (19), a prisão de Emiliano Milhomem de Sousa, de 44 anos de idade


Exames Médicos

Equipes de UTI de Palmas realizam exames médicos gratuitos em 1200 alunos da ETI Almirante Tamandaré

Os atendimentos foram realizados na quarta, 18, e nesta quinta-feira, 19, aos estudantes das 40 turmas da Escola de Tempo Integral


Apaes

Deputada Dorinha indica a Federação das Apaes do TO para o prêmio Brasil Mais Inclusão

O prêmio é destinado a empresas, entes federados (União, estados, Distrito Federal e municípios), entidades ou personalidades que tenham realizado ações em prol da inclusão de pessoas com deficiência


IFTO

Campus Palmas do IFTO contrata professores substitutos


Oi

Oi foca no operacional com lançamento de produtos digitais e apresenta diretrizes do negócio para 2018


Livro

Luana Ribeiro lança livro destinado a vereadores


Amastha

PSB de Amastha mantém mobilização e aguarda definição de tribunal para remarcar convenção


MPE

Irregularidades no laboratório de análises clínicas do município de Palmas motivam ação do MPE


Justiça Eleitoral

Servidores de Palmas reforçarão atendimento da Justiça Eleitoral na Capital


Ciência & Tecnologia

Gerente de Planejamento



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira