Monday, 19 de February de 2018

Monday, 19 de February de 2018

SAÚDE


Viver

Mudança de hábitos é fundamental para combater o colesterol alto

09 Aug 2017

Redação Semus

Dia 8 de agosto é o Dia Nacional de Combate ao Colesterol, e a melhor forma de enfrentá-lo é evitar os fatores de risco como alimentação inadequada e sedentarismo. Ou seja, é necessária a mudança de hábitos alimentares associada à prática de exercícios físicos. Mas antes de falarmos sobre o combate, vamos explicar o que é colesterol.
 
O colesterol é um tipo de gordura (lipídio) presente no organismo humano e fundamental para seu funcionamento. A parede das células é formada por proteína e colesterol, sendo que esta gordura facilita a entrada de nutrientes e ao mesmo tempo a saída de escretos.
 
Mas se é fundamental, por que faz mal? Na verdade, existem dois tipos de colesterol: o HDL (Low Density Lipoprotein ou lipoproteína de baixa densidade) e o LDL (High Density Lipoprotein ou lipoproteína de alta densidade). O primeiro é considerado bom e o segundo ruim. O HDL carrega o colesterol pelas artérias, não o deixando permanecer alojado nas veias, transportando o colesterol de volta ao fígado para que ele seja excretado. Já o LDL transporta o colesterol de células que produzem mais do que usam para células que mais precisam. Com o passar do tempo, ele leva ao acúmulo de placas de gordura nas paredes internas das artérias, diminuindo o fluxo de sangue para órgãos importantes, como o coração e cérebro, podendo ocasionar doenças cardiovasculares como infarto e acidente vascular cerebral.
 
Equilíbrio alimentar
 
A nutricionista Fernanda Nolêto, que atua no Centro de Saúde da Comunidade da Arso 41, ressalta que é importante o equilíbrio entre ambos, pois as taxas altas trazem problemas à saúde. "O ideal é que todos se alimentem de uma maneira mais saudável, seguindo as orientações do Guia Alimentar para a população brasileira que auxilia no combate à obesidade e ao avanço das doenças crônicas, assim como dos altos índices de LDL colesterol", explica. 
 
Ainda segundo ela, o guia orienta que a alimentação tenha como base alimentos frescos (frutas, carnes, legumes) e minimamente processados (arroz, feijão e frutas secas), além de evitar o consumo de produtos ultraprocessados (como macarrão instantâneo, salgadinhos de pacote, biscoitos recheados, pratos prontos para o consumo e refrigerantes).
 
Exercício físico regular é fundamental
 
Combater o sedentarismo é fundamental. "Outro fator importante é ter uma rotina de exercícios físicos com orientação de profissionais qualificados. Mas a gente sabe que a correria do dia a dia traz maus hábitos alimentares e leva ao sedentarismo. Aí chega um momento que o nosso corpo começa a dar sinais de que não está bem. As alterações nos níveis de colesterol, principalmente elevação do LDL colesterol, é um deles", alerta a nutricionista.
 
Fernanda ressalta ainda que o fato de não estar com bons índices de colesterol seja sinônimo de que a pessoa não possa reverter o quadro, pois a mudança de hábitos é sim possível para todos."Preferir uma alimentação mais natural com alimentos caseiros, frescos e evitar o consumo de alimentos de origem animal e ricos em gordura trans, presentes principalmente nos produtos ultraprocessados, auxiliará nessa mudança. Aos poucos a pessoa se adapta e vê o quanto é importante ser saudável", reforça.
 
Guia Alimentar da População Brasileira - os dez passos para uma alimentação adequada e saudável

1. Fazer de alimentos in natura ou minimamente processados a base da alimentação;
2. Utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos e criar preparações culinárias;
3. Limitar o consumo de alimentos processados;
4. Evitar o consumo de alimentos ultra processados;
5. Comer com regularidade e atenção, em ambientes apropriados e, sempre que possível, com companhia;
6. Fazer compras em locais que ofertem variedades de alimentos in natura ou minimamente processados;
7. Desenvolver, exercitar e partilhar habilidades culinárias;
8. Planejar o uso do tempo para dar à alimentação o espaço que ela merece;
9. Dar preferência, quando fora de casa, a locais que servem refeições feitas na hora;
10. Ser crítico quanto a informações, orientações e mensagens sobre alimentação veiculadas em propagandas comerciais.
 
--
Secretaria Municipal de Comunicação de Palmas

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

1

PARABÉNS!
PARABÉNS!

1

BOM
BOM

1

AMEI!
AMEI!

1

KKKK
KKKK

1

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

0

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

0

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Palmas

Prefeitura não cobrará mais taxa de revisão de IPTU

Zini reafirmou que a Prefeitura está à disposição dos contribuintes que observarem eventuais divergências de valores do imposto.

Amastha

Em vídeo, Amastha detalha descontos do IPTU, reforça diálogo e faz apelo a servidores

Prefeito da Capital reforça que gestão está aberta para atender a contribuintes que observarem eventuais distorções no valor venal do imóvel, base de cálculo do imposto


Ciência & Tecnologia

Aspectos centrais sobre TI na Gestão Institucional - Parte 7

Por Daniel Nascimento-e-Silva*


Palmas

Amastha prestigia abertura de empreendimento que investiu meio milhão de reais em Palmas

O empresário Daniel Oliveira, um dos sócios do Wings, afirmou que o planejamento para a instalação do estabelecimento começou há um ano e meio e há oito meses começou a implantação


Tocantins

Projetos sociais desenvolvidos nas unidades prisionais do Tocantins transformam vidas de detentos


Palmas

Prefeita em exercício entrega chave da cidade para presidente do Comadec


Ataídes

Em reunião com trabalhadores rurais, Ataídes concluiu programação no Bico do Papagaio, nessa quinta


Brasil

Deputados do Tocantins são homenageados por vereadores de todo Brasil


Câmara

Líderes de Câmaras Municipais de todo o país são recebidos na Câmara de Palmas


Irrigação

O que é irrigação inteligente?



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira