Sunday, 17 de November de 2019

SAÚDE


Cinoterapia

Terapia com cães completa dois anos no HGP

27 Oct 2019    14:00    alterado em 27/10 às 14:00
Nielcem Fernandes – Governo do Tocantins Terapia com cães completa dois anos no HGP

Um projeto vem fazendo a diferença para pacientes internados no Hospital Geral de Palmas Dr. Francisco Aires (HGP), a Cinoterapia (terapias com cães).  Desde a criação, o projeto já realizou 831, que inclui pacientes e acompanhantes com os seguintes benefícios: amenizar os impactos da hospitalização o estresse, a angústia, depressão. Além do trabalho com pacientes e acompanhantes, os cães tem ajudado os servidores, pois melhora a interação de todos os envolvidos no ambiente hospitalar. A cerimônia de comemoração aconteceu nesta terça, 22, na sede do 1º Batalhão do CBM.

Na ocasião foram entregues certificados de reconhecimento pela atuação aos voluntários, às equipes do Corpo de Bombeiro e da Humanização do hospital e assinado o termo de cooperação técnica entre o Corpo de Bombeiros e o HGP.

O sargento Raphael Mollo conta sua experiência na terapia com cães. “Sinto-me muito feliz. É muito gratificante este projeto. A gente poder atender e ver a retribuição dos pacientes. Eu tive a oportunidade de levar o cão até uma paciente que hoje já não está mais internada no HGP, e foi um momento único quando ela recebeu o cão. Eu falo para todo mundo que durante as visitas ao hospital, nós nos tornamos mais humanos. A pessoa  que se interessar em participar com seu cão pode nos procurar pelo telefone principal do Corpo de Bombeiros, onde será avaliação o animal e demais tramites”, explicou.

A responsável pelo setor de humanização do HGP, Goiamara Borges fala da comemoração e a relevância de ter mais voluntários. “É uma alegria está comemorando dois anos da Cinoterapia no HGP. E ao longo destes anos o projeto se aperfeiçoou. Foram agregadas mais pessoas, tivemos muitos desafios. Um dos objetivos hoje é poder ter mais voluntários”, ressaltou.

Na ocasião o diretor geral do HGP, Leonardo Toledo falou da importância do projeto. "Sabemos o quanto os pacientes ficam tão alegres e satisfeitos ao ver os Bombeiros juntamente com os voluntários e cães entrando nos leitos. Muitas vezes esquecem por um instante da doença. Que venham mais anos desde projeto tão bonito que beneficia nossos pacientes", destacou.


Terapia de amor e carinho

A professora Valdirene Cássia, voluntária do projeto leva o Fred para visitar os pacientes e agora vai levar a Hana também. “Eu achei extremamente importante trabalhar em prol daqueles que precisam de um carinho. Os cães trazem uma sensação diferente, para a vida. O sentimento muda quando nós estamos em convivência permanente com estes animais. Então, por que não compartilhar aquele amor dos meus cães com os pacientes que estão fragilizados?”, declarou.


“Quero agradecer a Deus, aos médicos, aos meus filhos, a equipe toda do HGP, aos Bombeiros e aos cães. Quando eu olhei o cachorro no hospital, eu chorei de emoção. O HGP não foi um hospital foi um hotel cinco estrelas. Eu só tenho gratidão. Eu descobri um aneurisma e fui bem tratada lá”, afirmou a  professora de 57 anos, Páscua Lourença.

COMPARTILHE:


Confira também:


Atenção

Energisa reforça orientações de segurança em caso de temporais

Em 50 dias, mais de 400 postes foram derrubados por eventos climáticos severos no Tocantins

Serviço

Governo, por meio do Sine, orienta trabalhadores para habilitar a Carteira de Trabalho Digital

Para acessar a Carteira de Trabalho Digital é necessário obter a senha de acesso no Acesso.gov.br. Para aqueles que não possuem a senha, poderão adquiri-la através do Aplicativo da CTPS Digital, ou clicando no link a seguir Acesso.gov.br




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira