Saturday, 16 de November de 2019

VIVER


Pavilhão da Bienal

Tocantins comemora bons resultados obtidos no 13º Salão do Artesanato Raízes Brasileiras

19 Oct 2019    15:44    alterado em 19/10 às 15:44
Tocantins comemora bons resultados obtidos no 13º Salão do Artesanato Raízes Brasileiras

O balanço final do 13º Salão do Artesanato Raízes Brasileiras registrou crescimento em relação a edição do ano passado, e o resultado do estande do Tocantins seguiu a tendência, ficando entre os dez estados com maiores valores em vendas e encomendas. O evento foi realizado no Pavilhão da Bienal, em São Paulo, entre os dias 9 e 13 de outubro, sendo o Estado representado por cinco artesãos individuais e nove associações.

O faturamento total chegou a R$ 3,4 milhões, um aumento de 29% em relação ao valor alcançado em 2018 (R$ 2,6 milhões), segundo a Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec-ME). O número de peças vendidas e encomendadas aos artesãos chegou a 98 mil, crescimento de 30% sobre as pouco mais de 75 mil peças vendidas no ano passado. No total, 716 expositores participaram da feira, com média de faturamento individual de R$ 4,8 mil.

Em valores, o estande do Tocantins registrou R$ 147.191,00 nesta edição, contra R$ 145.893,00 em 2018, ficando na nova colocação entre os estados. Os campeões de venda foram o Ceará (R$ 465 mil), Acre (R$ 447 mil) e Amazonas (R$ 267 mil).

Durante os cinco dias, a feira foi visitada por cerca de 44 mil pessoas, que puderam conhecer e comprar trabalhos produzidos por artesãos de todas as regiões do Brasil. O estande tocantinense chamou atenção com peças em capim dourado, bucha vegetal, sementes, cerâmica, madeira, ferro, resina e artesanato indígena.

“A participação do Estado do Tocantins no Salão do Artesanato referenda nossos esforços pela valorização dos nossos artífices, e assim cumprimos uma das metas estipuladas pelo governador Mauro Carlesse, de geração de emprego e renda por meio da economia criativa”, afirma Tom Lyra, presidente da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc).

“Nosso sentimento é de dever cumprido, pois conseguimos apresentar trabalhos de qualidade técnica com nossas referências culturais”, comemora o  superintendente de Cultura, Álvaro Júnior.

A seleção dos participantes ocorreu por meio da Adetuc, por meio de edital e observando critérios de qualidade, originalidade, representatividade da cultura regional. A Agência também arcou com as despesas de transporte dos artesãos e das mercadorias.

COMPARTILHE:


Confira também:


Atenção

Energisa reforça orientações de segurança em caso de temporais

Em 50 dias, mais de 400 postes foram derrubados por eventos climáticos severos no Tocantins

Serviço

Governo, por meio do Sine, orienta trabalhadores para habilitar a Carteira de Trabalho Digital

Para acessar a Carteira de Trabalho Digital é necessário obter a senha de acesso no Acesso.gov.br. Para aqueles que não possuem a senha, poderão adquiri-la através do Aplicativo da CTPS Digital, ou clicando no link a seguir Acesso.gov.br




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira